Escola de Marabá-PA se filia à ABEL

A Câmara Municipal de Marabá realizou, no final de setembro, a cerimônia de filiação da Escola do Legislativo de Marabá à ABEL. Com um público expressivo de estudantes, lideranças e autoridades locais, o evento teve a presença do presidente da ABEL, Florian Madruga e do secretário de da Regional de Marabá do TCE-PA, Alexandre Costa, o presidente da Câmara, Pedro Corrêa; o vice-prefeito, Antônio Cunha Sá; Gabriela Silva, diretora da Escola do Legislativo e Gustavo Andrade, presidente da Câmara Mirim de 2017.

Gabriela Silva, falou sobre o trabalho desenvolvido pela Escola e do orgulho de a Escola fazer parte da ABEL e ser reconhecida nacionalmente. A Câmara realizada o trabalho pedagógico desde 2015, quando foi criada para desenvolver ferramentas de fortalecimento da cidadania. “O programa principal que a ELMAR desenvolve é o Câmara Mirim, que abrange alunos das escolas públicas e particulares. A nossa missão é promover uma educação legislativa com excelência, contribuindo através de ações cidadãs”, destacou a diretora.

Florian Madruga palestrou sobre a importância das Escolas do Legislativo para o aperfeiçoamento e fortalecimento do Poder Legislativo. Disse acreditar que para mudar o país só existe um caminho, a educação. Afirmou que “leva” o projeto das Escolas do Legislativo pelo Brasil e a pergunta que mais se houve é para que as Câmaras querem uma escola? A resposta é porque está na Constituição a capacitação dos servidores pelas escolas na administração pública. O servidor tem de estar bem preparado para atender qualquer cidadão que traga suas demandas”, enfatizou o presidente. Florian ainda lembrou que dos mais de 5 mil municípios do Brasil apenas 100 têm Escola Legislativa e no Pará, só Marabá. “Todos os Estados e Tribunais de Contas Estaduais possuem, mas nosso grande desafio são os municípios. “Saio revigorado do evento e com o intuito de levar as ações de Marabá e da Escola do Legislativo de exemplo para o Brasil inteiro”.

Alexandre Costa, secretário de Representação da Unidade Regional de Marabá do Tribunal de Contas do Estado do Pará, ressaltou que o projeto TCE Cidadão foi idealizado especialmente para os estudantes e a ideia nasceu na mente do Conselheiro Nelson Chaves, em 2011, e há 6 anos está atuando e já visitou diversas escolas em vários municípios no Pará. “O projeto visa estimular alunos das escolas públicas e a sociedade a fiscalizar as ações do governo e a aplicação dos recursos públicos. O grande desafio do Tribunal de Contas é apresentar-se à sociedade como entidade que contribui para seu desenvolvimento”, disse Alexandre.

Ao final da cerimônia, houve assinatura oficial por parte dos presidentes para a filiação da ELMAR à ABEL. O presidente da Câmara, Pedro Corrêa, lembrou que a Lei da Transparência é importante e destacou que a Câmara Municipal tem a melhor nota no quesito de transparência no Estado do Pará. “É um momento especial, como presidente, com o compromisso de filiarmos à Associação das Escolas do Legislativo a nossa Escola do Legislativo.