Começa o XXIII Encontro da ABEL em Brasília

O XXIII Encontro da ABEL reuniu dezenas de representantes de antigas e novas Escolas, numa demonstração de que a Educação no poder Legislativo segue se expandindo e se organizando. Na mesa de abertura,

Florian Madruga, presidente da ABEL, Ilana Trombka, diretora-geral adjunta do Senado Federal, Elga Mara, diretora do Instituto Legislativo Brasileiro - ILB, a Senadora Angela Portela e  Rogério Ventura, diretor do Centro de Treinamento da Câmara - Cefor. 

Ao saudar os participantes, Florian Madruga fez um breve relato da trajetória da ABEL em onze anos de atividades, e ressaltou o prazer e o orgulho de ser um dos protagonistas desta missão de fortalecer o poder Legislativo pela Educação institucionalizada nas Escolas. "Depois de 40 anos atuando como servidor público, me emociono ao falar porque tenho muito orgulho da minha passagem pela diretoria do ILB, que foi o embrião da ABEL. Este foi um trabalho imensamente gratificante. Os reflexos da formação e qualificação profissional dos servidores vão além das casas legislativas, são um avanço para o Brasil, porque é o país que ganha com um legislativo melhor e aperfeiçoado. Quero destacar também, e especialmente, o papel das mulheres, das servidoras nesta trajetória. É de fundamental importância que o universo feminino se expanda não só na Educação, mas na política, nos parlamentos. Obrigada e parabéns a todas e a todos pelo trabalho nos seus Estados e por serem parte integrante da Associação Brasileira das Escolas do Legislativo e de Contas." 

A Senadora Angela Portela reforçou as palavras de Madruga, destacando a necessidade de se investir ainda mais na capacitação da mulher para a política e para o parlamento. "Neste sentido quero parabenizar o trabalho do ILB e do Interlegis de fazer chegar aos municípios brasileiros a informação e o conhecimento técnico disponibilizando cursos e ferramentas tecnológicas." 

Rogério Ventura falou da força institucional da ABEL e da Educação para o Legislativo. "Todo investimento em Educação traz retorno porque está comprovado que todo país que investe em Educação prospera." O Cefor vai lançar em breve cursos de pós-graduação em diversas áreas, nas modalidades a Distância e Presencial, em parceria com a ABEL. Os trâmites de liberação dos cursos estão em fase de finalização no MEC.

Elga Mara e Ilana Trombka foram consenso ao afirmar que, embora o poder Legislativo brasileiro não seja ainda bem avaliado pela sociedade no seu desempenho, não há democracia sem ele e é fundamental prosseguir no trabalho de educação e valorização dos servidores.

À abertura oficial do Encontro, seguiu-se uma palestra sobre Transparência no Legislativo com o Coordenador de Formação e Atendimento  à Comunidade do Legislativo, Francisco Biondo (ILB).